Posts Tagged ‘botas’

Viagem: O que usar nos pés

Viajar é explorar, conhecer, descansar, aproveitar, por isso conforto e praticidade são prioridades, mas isso não significa abrir mão de estar bem vestida, certo?

Vamos começar pelos pés, pois se eles estiverem danificados a viagem se torna um tormento.
O maior objetivo de quem viaja é estar confortável sem perder o estilo pessoal e sapatos estão totalmente ligados a esse aspecto. Viagens em que caminhamos o dia inteiro (a maioria) pede calçados confortáveis e sem salto. Com a moda exaltando o estilo esportivo, o que não faltam são opções bem atuais para você compor seus looks de viagem com muita bossa. Veja qual combina melhor com o clima, tipo de viagem e seu estilo pessoal.

SAPATILHAS: com solado confortável (pois solado fino acaba com os pés) podem ser usadas com a fita 3M para evitar as bolhas. Melhor prevenir do que remediar, pois o suor nos pés caminhando o dia inteiro pode causar bolhas por mais confortável que seja a sapatilha. Os bicos redondos são os preferidos da mulheres delicadas e femininas. Bicos quadrados podem ser esportivos ou elegantes dependendo do material. Bicos finos são elegantes e afinam as pernas. Usar talco para os pés é uma boa pedida.

RASTEIRAS/CHINELOS/SANDÁLIAS: como as Birkenstock além de super confortáveis são tendência, isto é atualizam o look. Rasteirinhas que prendem atrás ficam mais ‘arrumadinhas’. Lembre-se que no fim do dia os pés ficam de outra cor, se é que me entendem. Mesmo assim eu adoro quando vou para destinos bem quentes. Sandálias com salto e confortáveis funcionam se não for andar o dia inteiro.

MOCASSIM e SLIPPERS: são perfeitos para andar (aqui também recomendo a fita 3M na parte de trás do tornozelo), deixam o look mais jovem (principalmente se forem coloridos ou estampados) e agregam uma certa elegância tradicional. Os molinhos são mais confortáveis que os estruturados em couro e verniz.

TÊNIS: hoje com tantas opções bacanas é possível produzir looks bem elaborados do elegante ao bem casual. Se quiser uma proposta mais elegante opte por modelos em cores neutras, escuras ou metálicas e use com produção mais chique como calça jeans flare escura, blusa de seda, trench-coat ou alfaiataria. Já os coloridos e em cores vivas trazem um ar bem esportivo e divertido.

OXFORD: opte por usá-los com sapatilha de meia para não ficar com o pé suando, possibilitando a formação de bolhas. Como estamos falando em caminhar, prefira modelos em camurça ou couro bem macio para cumprir seu objetivo; ser confortável.

BOTAS: são únicas em viagens para lugares frios. Bota de viagem é bom comprar um número maior garantindo conforto mesmo com meias mais grossas. Adoro os modelos em camurça, são muito macias, leves e confortáveis. Sempre antes de viajar impermeabilizo com spray apropriado, isso aumenta sua vida útil além de repelir água e sujeiras. Esse produto pode ser usado em sapatos em geral. Indico o Bonton Spray.

Conforto e estilo podem sim andar juntos! ;-)

Botas longas – Como usar

As botas de cano longo, montaria (sem salto) e cano longo acima do joelho (knee boots) também tem suas regrinhas. O que você precisa saber:

  • bico e salto fino remetem a uma mensagem mais sexy
  • montaria tem apelo mais casual
  • acima do joelho costumam agradar as fashionistas
  • as produções com shorts e mini saia pedem idade e pernas de acordo.






Agora que já falamos das longas, dê uma olhada nas botas curtinhas

Botas Curtinhas- Como usar

Com o frio chegando as botas saem do armário direto para nossas produções. Tem quem goste delas por fora da calça, por dentro, com polaina, enfim o importante é conhecer algumas regrinhas para não parecer uma novata no jeito de usá-las.
O que você precisa saber:

  • esse modelo sempre engrossa e achata as pernas. Para minimizar esse efeito você pode abusar do salto, fugir dos modelos justinhos no tornozelo,  evitar o contraste das cores entre calça e bota e para os modelos rasteiros usar com calça flare escura;
  • os modelos rasteiros sempre passam uma informação casual, diferente das botas com salto que possibilitam produções mais elaboradas.







E você, já escolheu qual o seu jeito preferido de usar?